Contagem

Se antes contava por contar
Assim já não conto mais
No ponto exato para amar
A conta que hoje faço
Tem soma de abraços
Nada toma e cria laços
Contagem me ensinou a juntar
A apurar o garimpo da viagem
E perfilar a vida passada a limpo
Respirando apenas o bem e a aragem
Provenientes da beleza de Várzea das Flores
Dos andores sociais da Comunidade dos Arturos
Das praças lembrando quintais sem muros
Da criatividade fagueira da Casa dos Cacos
E tantos outros incontáveis marcos
De uma cidade forjada no aço operário
E no passo portuário de sua gente!

Carlos Lúcio Gontijo

(O autor é cidadão honorário de Contagem mediante
aprovação, em Reunião Extraordinária do dia 07 de
agosto de 2007, do Projeto de Resolução nº 022/2007,
de autoria do vereador Arnaldo de Oliveira.)