Quando quero contar sobre mim, são livros o que conto!

Muitas mãos a segurar minha pena

(*) Carlos Lúcio Gontijo   Quando dei início ao sonho idealista de escrever e publicar livros, eu tinha 14 anos, mas como é exercício de difícil realização somente pude levar livro à gráfica aos 25, em momento que contei com o apoio decisivo de minha mãe Betty Rodrigues Gontijo, que se dispôs a me ajudar […]

“MULHERES E PREDADORES”, Um romance fadado a ter vida longa.

(*) Carlos Lúcio Gontijo   O autor Hermínio Prates, também jornalista e professor, usou o romance “MULHERES E PREDADORES” como ferramenta de jornalismo e momento de aula, fazendo do palco de vida da protagonista Suzana (Suzy) uma extensão dos cenários político, social e artístico do Brasil   Fica bastante explícito pelo enredo bem tramado que […]

Sob as trombetas das sextas-feiras

(*) Carlos Lúcio Gontijo   Sempre me preocupei em trabalhar contra a elitização do ambiente literário, razão pela qual os lançamentos de meus livros ao longo dos anos (desde 1977) foram marcados pela heterogeneidade de público, uma vez que existe leitor em todos os segmentos sociais, apesar do escasso gosto pela leitura constatado Brasil afora. […]

Pintando o sete

(*) Carlos Lúcio Gontijo   Quando nasci no dia 27 de abril de 1952 o Brasil já era o país do futuro e, agora, em 2024 comemoro 72 anos com a nação brasileira ainda à espera da alvissareira bonança que nunca vem, permanecendo atavicamente na construção de oásis de fartura e prosperidade para poucos. A […]

Na Janela Do Avarandado Do Encantamento

       LUARA NINA, a primeira de minhas três netas a vir a este mundo de meu Deus, tem baile de formatura (Veterinária) no dia 13 de janeiro de 2024. Todavia, não pretendo aqui exaltar a conquista representada na conclusão de um curso superior, mas grafar palavras de reconhecimento com a tinta e as […]

“Faixa de gaza cultural”

Ter resposta pronta e imediata para tudo passou a ser uma exigência em nosso tempo, onde a ideia preponderante é “deletar”, num piscar de olhos, tudo aquilo de que não se gosta ou atravessa momento ruim, inclusive relações de amizade e amor – não há perdão! A dura realidade é que ninguém tolera a espera, […]

O “Céu de Luz Marina” do autor Ádlei Carvalho

Numa sentada ininterrupta (e avidamente) tomei a leitura do romance “Céu de Luz Marina”, novo romance de Ádlei Carvalho, a quem conheci há alguns anos graças à esposa Lílian, que um dia se deparou com o meu livro “Jardim de Corpos” na biblioteca do UNI-BH, na capital mineira, e resolveu comentar com o marido, que […]

“A vida não se resume em festivais”

O que me importa nesta vida é a longevidade dos sentimentos. Minha poesia tem o máximo gosto feliz (que se pode ter) sob a certeza lancinante da morte. Tais pensamentos vieram-me à mente ao ler o livro “Geraldo Vandré – A vida não se resume em festivais”, de Dalva Silveira, que num misto de ciências […]